30 May 2009

Que tal se os Porcos mandassem matar todos os Egipcios? ;)


Repassando...

Egipto ordena sacrifício de todos porcos por recear gripe suína
(In “Diário Digital”, 29 de Abril de 2009, http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=10&id_news=385324)

O governo egípcio anunciou hoje que iniciou a morte em massa de todos os porcos do país como medida de prevenção contra um possível surto de gripe suína, doença que matou sete no México, um nos Estados Unidos e atingiu outros nove países.

Embora tenha tido origem provável em porcos, a OMS (Organização Mundial de Saúde) afirma que não há risco de contrair a doença pela ingestão de carne de porco, porque a temperatura de cozedura (acima de 70ºC) mata o vírus.

Embora tenha um regime laico, no Egipto o islamismo é a religião oficial, a qual proíbe o consumo de carne de porco.

A Organização Mundial para a Saúde Animal (OIE) reiterou na segunda-feira que ainda não foi comprovada a relação entre o vírus e os animais e pediu que a gripe suína seja denominada gripe da América do Norte.

«O vírus não foi isolado em animais até à data. Portanto, não se justifica o nome desta doença como gripe suína», alegou a organização, em comunicado.

O vírus é transmitido como o de uma gripe comum, de pessoa para pessoa, e até agora as autoridades de saúde constataram que os antigripais Relenza e Tamiflu são eficientes contra a infecção.

Os sintomas em humanos são parecidos com os da gripe comum e incluem febre acima de 39°C, falta de apetite e tosse. Algumas pessoas com a gripe suína também relataram ter apresentado catarro, dor de garganta e náuseas.

O Ministério da Saúde do Egipto afirmou que o sacrifício dos cerca de 300 mil porcos no país começará imediatamente.

«Foi decidido matar todos os porcos existentes no Egipto, começando hoje», disse Hatem el Gabali, em comunicado divulgado pela agência Mena.

Até á data, segundo o ministério, não há relatos de suspeita de gripe suína no Egipto, mas o vizinho Israel já confirmou dois pacientes com a doença e está a avaliar outros dois casos suspeitos.

Por favor, escreva ao Ministro do Turismo do Egipto e diga-lhe que o massacre brutal e massivo de porcos ordenado e executado pelas autoridades egípcias por causa da gripe suína A/H1N1 terá um impacto negativo no turismo daquele país

Por favor, diga a este governante que, até que a legislação de bem-estar animal seja implementada e aplicada no Egipto, nomeadamente através da paragem imediata do abate de milhões de porcos naquele país, não só deixará de considerar visitar o Egipto, como também dirá a todas as pessoas que conhece para boicotarem o turismo num país que não tem qualquer respeito pelos animais – como agora se vê ostensivamente nesta situação.

Por favor, envie a mensagem abaixo sugerida – ou escreva a sua mensagem, se preferir – para zgarranah@tourism.gov.eg Com Conhecimento (Cc) a campanhas@animal.org.pt

Mensagem Sugerida

To His Excellency Mr. Zoheir Garranah
Minister of Tourism of Egypt

Excellency,

I have been appalled at the pointless and horrific mass cull of pigs in Egypt in which many of the animals have been killed in the most inhumane manner.

Please be assured that I will no longer consider Egypt as a holiday destination until Egypt adopts and enforces proper animal welfare legislation and agrees that it will abide by internationally agreed standards on animal welfare.

I will also be encouraging my family and friends to take a similar view.

Yours, sincerely,

[Escreva o seu NOME aqui]
[Escreva o seu E-MAIL aqui]
[Escreva o seu PAÍS aqui]