05 September 2008

Lidando com a Morte de um Animal de Estimação



Lidando com a Morte de um Animal de Estimação


Infelizmente as pessoas ainda não entendem a importância da perda de um animal de estimação. Elas não entendem que esta perda é tão grande e tão sofrida quanto a perda de um parente. As pessoas não vêem a perda de um animal de estimação como a perda de um amigo fiel e leal, de um ente querido, de um ser que soube lhe dar amor incondicional apesar de sua falta de paciência com ele por muitas vezes.


A morte de um animal de estimação não é somente a “morte de um animal”. Isto está muito longe da verdade. As pessoa amam seus animais de estimação e estes são considerados membros da família. Os donos de animais celebram seus aniversários, fazem confidências a eles, e carregam fotos deles em suas carteiras. Portanto quando seu animal morre, é NORMAL sentir-se extremamente triste com sua perda e chorar.

Os animais nos fazem companhia, nos dão aceitação, ou seja, nos aceitam do jeito que somos, nos dão apoio emocional e amor incondicional durante todo o tempo que compartilham suas vidas com as nossas. Se você entende e aceita esta conexão entre humanos e animais, você já tomou o primeiro passo em relação a lidar com a perda de um animal de estimação: Saiba que é perfeitamente normal entristecer-se com a morte de seu animal.


Entender como você sofre e descobrir modos de lidar com a perda pode traze-lo perto do dia em que as memórias trarão um sorriso ao invés de lágrimas.


Respeite as pessoas que sofrem pela morte de um filho 4 patas!


Respeite o luto pelos animais!



.